como foi a nossa segunda reunião

A segunda reunião foi ruidosa. Nem tanto por nossa parte, acredite!, mas a Editora Patuá completou 3 anos de existência – dessa maneira, enquanto nos concentrávamos experimentando cervejas na sala de oficinas do Hussardos Clube Literário, o salão principal era de clamores de pessoas se abraçando, poemas sendo ditos, livros folheados e bons amigos se reencontrando. Ruído mais do que propício.

O tema pré-carnavalesco era “AMARGO, pq a vida já é doce demais” (leia aqui a convocação).

A apresentação dxs participantes dessa rodada foi com a pergunta: “você se recorda quando foi a primeira vez em que bebeu cerveja?”. Muitos não se lembravam. Entretanto, uma se recordava da primeira Guiness e outro da ida à Inglaterra, quando tomou uma Bitter. Amargamente notadas. Continuar lendo

AMARGO, pois a vida já é doce demais

Reunião mensal sobre cerveja e literatura no Hussardos

22 de fevereiro de 2014

No sábado (22), às 16h, queremos que você nos conte “como foi a primeira vez em que bebeu cerveja”.

Do gancho, discorreremos a respeito do uso do lúpulo, precioso ingrediente que dá à cerveja o seu gosto característico. Levaremos dois tipos para que possam ver e cheirar o ingrediente em estado bruto e também suas lindas flores secas.

A respeito dos estilos, faremos menções sobre a escola inglesa e americana, criativas no uso do amargor. A história da India Pale Ale, que atravessa oceanos, não faltará.

O adendo literário será trazer o estudo de Eric Landowski que trata das características semânticas envolvidas no ato de beber cerveja: a persistência do gosto e a junção barroca do amargo na boca à alegria no coração. Continuar lendo